Goiás: Ipasgo prorroga por 30 dias recadastramentos, inclusões e negociações de débitos

Medida garante a continuidade da prestação dos serviços de saúde aos usuários do plano neste momento emergencial para conter o avanço do coronavírus em Goiás 

Os prazos para recadastramento, apresentação de licença médica e negociação de débitos foram prorrogados por 30 dias pelo Instituto de Assistência ao Servidor do Estado de Goiás (Ipasgo). A medida vai garantir a continuidade da prestação dos serviços de saúde aos usuários do plano de assistência que, neste momento de ações emergenciais para conter o avanço do coronavírus em Goiás, não poderão se apresentar nas unidades do Ipasgo até o encerramento do decreto estadual que restringe a circulação nas vias públicas.

A prorrogação do período para negociação das dívidas por inadimplência de coparticipação e mensalidade vale somente para o período referente ao mês de fevereiro. Os usuários, que possuam débitos anteriores, devem agendar atendimentos nas unidades do Ipasgo para efetuar a negociação dos mesmos.

O presidente do Ipasgo, Silvio Fernandes, afirma que toda a equipe do plano de assistência está engajada a buscar soluções rápidas e apresentar ações eficientes para garantir segurança aos seus usuários. “A ordem do nosso governador Ronaldo Caiado é para mantermos a atenção máxima em todos os nossos atos, com muita responsabilidade e respeito às vidas de todos os goianos”.

Em conformidade com as determinações do Ministério da Saúde e Organização Mundial de Saúde (OMS), o presidente do Ipasgo restringiu o acesso às unidades do plano em Goiânia e interior. Os usuários devem buscar os serviços online disponíveis no aplicativo Ipasgo Fácil e portal www.ipasgo.go.gov.br . Há ainda uma ampla rede de teleatendimento 24 horas pelo 0800 62 1919 e também uma série de telefones para consultas nas diretorias e gerências, a lista completa dos números está publicada no site do Ipasgo.

Os atendimentos presenciais serão feitos somente mediante agendamento para serviços que não são acessados via internet ou telefone. O presidente do Ipasgo, Silvio Fernandes, explica que essas medidas de precaução são para garantir a segurança das pessoas e evitar a disseminação do coronavírus.

Ele pede à população goiana que entenda a urgência do momento e fique em casa o máximo possível. Aos que necessitam manter parte da circulação, Fernandes reforça que as medidas de segurança e higienização das mãos devem ser mantidas com frequência. “Estamos num momento crucial, o Governo de Goiás está em guerra contra o coronavírus, mas precisamos da participação de todos os goianos. As nossas chances de reduzir os danos aumentam a cada minuto quando um cidadão se compromete a seguir as regras e se engaja nesta luta conosco”.

Saiba Mais

Procedimentos com prazos prorrogados por 30 dias

    * Recadastramento de filho universitário (apresentação da declaração da faculdade)
    * Inclusão de recém-nascido
    * Recadastramento das vítimas do Césio (que deve ser feito na data do aniversário)
    * Licença médica / disposição (ampliado o prazo de validade)
    * Inadimplência de coparticipação e mensalidade referente ao mês de fevereiro

Denilson Alves

Editor do Portal Nosso Goiás