Caminhões: Veja dicas de como aumentar a segurança nas estradas


A segurança nas estradas é um elemento que nunca deve ser ignorado por nenhum caminhoneiro ou frotista.

Quando os feriados se aproximam, o fluxo nas estradas pioram e os cuidados precisam ser redobrados. No texto de hoje vamos falar para vocês como aumentar a segurança nas estradas e realizar uma viagem mais tranquila.

Direção Defensiva

A direção defensiva é uma prática efetiva que garante a segurança nas estradas, tanto a do condutor quanto a dos passageiros.

Para prevenir acidentes e certificar a segurança de todos dentro do veículo, é importante que o motorista evite:

· Dirigir com sono

· Extrapolar a velocidade

· Usar remédios ou substâncias que evitam o sono

· Fazer ultrapassagens perigosas

· Mexer no celular enquanto está dirigindo

· Desobedecer o período de descanso durante o trajeto

Caso você tome todos esses cuidados e, mesmo assim, tenha algum imprevisto, procure usar técnicas de direção corretiva, como as que vamos citar abaixo.

Direção Corretiva

Em casos de imprevistos, você pode obter maior segurança nas estradas evitando o problema apenas com algumas técnicas de direção corretiva, como:

· Permanecer calmo;

· Sinalizar o local;

· Entrar em contato com as autoridades e serviços médicos;

· Ajudar possíveis vítimas;

· Solicitar apoio à administradora da via.

Fazer Inspeção diária e manutenções preventivas

Antes de sair para a viagem fazer a inspeção diária do caminhão utilizando-se das instruções no manual de operação do caminhão e também é de suma importância é realizar manutenções preventivas de acordo coma recomendação do fabricante para melhorar a segurança nas estradas.

Vários pontos precisam ser verificados durante a revisão, porém, as falhas que aparecem com mais frequência e que podem piorar a segurança nas estradas são:

· Defeitos no conjunto de faróis e luzes:
 falhas na iluminação aumentam o risco de acidentes na estrada, além de ser uma infração grave que pode resultar em multa.

· Presença de resquícios metálicos no óleo lubrificante: presença de resíduos no óleo pode significar que existe um atrito irregular com os imãs que ficam dentro do motor.

· Consumo de combustível anormal:
 esse problema pode acontecer por conta de vários motivos, mas a causa mais comum é devido ao superaquecimento do motor.

· Fumaça do escapamento com cor escura: isso pode ser indício de vários problemas, o motor pode estar em más condições térmicas ou com alguma falha no catalisador ou na entrada de óleo.

· Pneus mal-calibrados ou com desgastes irregulares:
 Pneus com irregularidades aumentam a probabilidade de furos ou estouros durante a jornada, por isso, é importante vistoriá-los e substituí-los sempre que necessário.

· Suspensão ineficaz: buracos e desníveis nas estradas são os principais colaboradores para esse problema, pois ele sobrecarrega o sistema.

· Diminuição de potência: esse defeito pode surgir por conta de vários motivos, como a desobstrução do filtro de ar, rachaduras na mangueira ou falha no módulo de injeção.

· Freios com defeito: isso é um problema sério que coloca a vida do motorista e de todos os outros passageiros em risco. Essa falha provavelmente é um sinal de que a lona de freio precisa ser trocada.

Planejamentos de rotas

Além de certificar-se que a manutenção do veículo está em dia, elaborar um planejamento de rota é outra estratégia que vai ajudar a melhorar a segurança nas estradas.

Para realizar um planejamento eficaz, é necessário calcular a duração da viagem e avaliar todos os detalhes do trajeto até a chegada final.

Veja abaixo algumas dicas que caminhoneiros e frotistas devem considerar quando estiverem decidindo o caminho a ser percorrido:

· Evitar trajetos com muito trânsito: isso melhora o sistema de entrega e previne a ociosidade do caminhão.

· Sempre que possível, optar por estradas asfaltadas e seguras: isso vai conservar a vida útil do veículo e ajudar a prevenir incidentes como reparos de emergência ou roubo de carga.

· Reservar um tempo para descansar e comer: isso é essencial, especialmente durante viagens mais longas e faz parte da direção defensiva.

Por https://blogcaminhao.mercedes-benz.com.br/

Denilson Alves

Editor do Portal Nosso Goiás