Casa e construção: Confira 3 dicas preciosas para o porcelanato ideal para sua casa

porcelanato

Escolher o piso adequado para cada um dos ambientes da casa é fundamental para garantir qualidade de vida aos moradores e evitar arrependimentos futuros. Nesse contexto, o revestimento de cerâmica é uma excelente escolha e há muitos motivos para o porcelanato ser um dos preferidos dos arquitetos e proprietários de imóveis.

Mas fique atento: a opção por esse revestimento requer outra escolha, que envolve o acabamento. Isso porque o tipo de porcelanato pode divergir quanto à textura e brilho, por exemplo.

Conhecer cada um deles, assim como suas vantagens, é muito importante na hora de optar pelo revestimento ideal. Neste post separamos informações especiais para que você saiba tudo sobre o tipo de porcelanato certo para sua casa.

A seguir, elencamos algumas ótimas dicas para ajudar você nessa escolha. Confira!

1. Escolha o tamanho e a textura do porcelanato

Antes de ir à loja e escolher o porcelanato ideal, saiba o tamanho da peça. Isso influenciará na amplitude do ambiente e fará toda a diferença no visual.

A textura e o tipo de piso também devem ser escolhidos com antecedência, levando em consideração o ambiente em que ele será instalado. Esses detalhes são muito importantes, pois existem os pisos com esmalte e de baixa absorção que são ideais para ambientes úmidos, como o banheiro. Além disso, deve-se ficar atento quanto a resistência do produto, se ele é caracterizado com alto ou baixo tráfego e até a resistência ao desgaste de superfície esmaltada.

porcelanato

2. Considere o resultado final

É importante levar em consideração seus gostos pessoais e o resultado que você pretende alcançar ao decorar um ambiente. Aquele porcelanato com manchinhas em seu desenho, por exemplo, é ideal para proprietários que se preocupam muito com a limpeza, uma vez que aparenta estar sempre limpo.

Use a argamassa específica para assentar o porcelanato ideal e opte por aquela de melhor qualidade — isso fará toda a diferença no resultado final da obra. Além disso, é indicado comprar o rejunte recomendado pelo fabricante do porcelanato.

porcelanato

As funções do rejunte são: unir as peças — protegendo os vazios que ocorrem entre uma peça e outra — e proteger as quinas do porcelanato, evitando que se quebrem. Outra dica importante é comprar o rejunte sempre com uma tonalidade próxima a do piso.

Para obter um resultado final satisfatório é muito importante se atentar na escolha de um profissional qualificado, aliando qualidade e preço justo. Sabemos que toda obra exige manutenção em diversos momentos e por isso é recomendado comprar 10% ou 20% a mais do produto para ter um estoque no futuro.

3. Conheça os tipos de porcelanato

O porcelanato é um tipo de revestimento cerâmico que nasceu na Itália, na década de 80. Ele é produzido com material de primeira linha, o que permite um desempenho de alto nível em ambientes comerciais e residenciais.

A qualidade da massa e da queima faz com que o porcelanato absorva pouquíssima quantidade de água. É isso que diminui a incidência manchas, riscos e quebras, além de conferir uma beleza única.

A nomenclatura do tipo de porcelanato pode variar um pouco de acordo com o fabricante, mas no geral a classificação se dá por dois pontos: estrutura e acabamento. Na categoria estrutural, o revestimento é dividido em técnico e esmaltado.

Porcelanato Técnico

Esse tipo de porcelanato possui toda a sua massa com a mesma estrutura e coloração. A massa homogênea não permite a aplicação de desenhos sofisticados, mas traz uma grande vantagem: o desgaste não altera a aparência.

Imagine um local de grande circulação, como uma estação de metrô. Por mais resistente que o porcelanato seja, o atrito diário fará com que pequenas camadas da superfície sejam retiradas. Nesse caso, o tipo técnico irá manter a cor original sem prejuízos para a estética do ambiente.

Assim, os porcelanatos técnicos são especialmente indicados para locais de alto tráfego, o que não significa que você não possa optar por ele na sua casa.

Polido

O porcelanato polido tem como maior característica o brilho intenso, pois após a finalização da massa as peças recebem um polimento e uma camada protetora que resulta em uma superfície altamente refletiva.

Por ter esse brilho intenso e proteção, o porcelanato polido pode ser escorregadio, principalmente se for instalado em áreas úmidas. Por esse motivo, seu uso é contraindicado para áreas externas ou com acesso direto à rua, como varandas e sacadas.

porcelanato

Para evitar esse problema, a dica é combinar outro tipo de porcelanato em áreas externas e no interior do box, por exemplo, deixando o polido para ambientes como salas e quartos.

Acetinado

Já esse tipo tem o acabamento com menos brilho. No entanto, possui uma textura acetinada bem interessante e que agrada a muita gente, pelo fato de ser mais discreto, deixando o ambiente mais aconchegante. Pode ser usado em ambientes como salas e quartos, assim como em áreas de box.

Suas vantagens são:

  • alta resistência a riscos: esse é um modelo que costuma ter menores chances de riscar, pois não tem o polimento protetor que gera o brilho intenso.
  • mancha menos: a ausência do excesso de brilho novamente contribui para esse piso, pois tem menores chances de manchar.
  • menos escorregadio: por ser mais acetinado torna-se menos liso, podendo ser instalado em áreas úmidas.
porcelanato

Esmaltado

Esse tipo de porcelanato recebe uma camada de esmalte por cima do revestimento. Essa característica faz com que a peça seja dividida em duas partes: massa e esmalte. A coloração, decoração e textura ficam restritas à segunda camada.

As texturas variam bastante, podendo ser ásperas, lisas, foscas ou brilhantes. Cada uma é alcançada através de alterações somente na camada do esmalte.

A vantagem do porcelanato esmaltado é, principalmente, a possibilidade de decoração com imagens mais elaboradas. A indicação técnica para o uso é de acordo com a durabilidade diante de situações de desgaste e tráfego.

porcelanato

Além da classificação estrutural, é possível definir o tipo de porcelanato pelo seu acabamento:

Lapado

É um tipo de porcelanato que tem seu acabamento entre o polido e o acetinado. Ele não é brilhoso em excesso nem fosco totalmente, reproduzindo a superfície de pedras naturais.

É possível encontrar esse acabamento em porcelanatos com desenho de madeira, pedras e até mesmo gráficos dos mais diferentes tipos.

porcelanato ideal

Full HD

O avanço da tecnologia da impressão digital Full HD, proporcionou a reprodução perfeita de superfícies, como exemplo madeira, mármore, pedra, tijolinho, cimento etc. Com a vantagem do custo-benefício e facilidades de instalação e limpeza.

Essa nova técnica cria peças inovadoras, cheias de efeitos e texturas na superfície da cerâmica ou do porcelanato, com um realismo surpreendente.

A definição extremamente elevada desta nova tecnologia permite a criação de um produto que distingue se por sua profundidade, luminosidade e leveza.

porcelanato

Full HD Polido

Os modelos que se encaixam nessa categoria, são o que existe de mais moderno no mundo das cerâmicas. Nesses porcelanatos foram combinadas as tecnologias de impressão Full HD e a técnica de polimento, trazendo para o mercado produtos que reproduzem perfeitamente os mármores e granitos, com a durabilidade e resistência do porcelanato.

Independentemente do tipo de porcelanato escolhido, com uma certeza você pode contar: esse é um dos revestimentos mais práticos para manutenção e limpeza. Apenas um pano úmido com detergente neutro é capaz de resolver a maior parte dos problemas.

Para sujeiras mais difíceis, produtos específicos ajudam a limpeza sem causar danos àpeça. Isso porque, apesar de altamente resistente, o porcelanato pode manchar sim. Produtos como vinho e refrigerante de cola, por exemplo, devem ser limpos assim que entrarem em contato com o piso para evitar danos.

porcelanato

E por falar em piso, o porcelanato não é de uso exclusivo para o chão, sabia? Apesar de ainda não ser muito comum, é possível assentar as peças também em paredes. Aproveite os desenhos modernos e crie um painel cheio de estilo para sua sala, quarto ou cozinhaEsse revestimento também tem sido utilizado para confecção de mesas, pias e bancadas, deixando seu ambiente exclusivo e original.

Como você pode ver, as opções são muitas e cada área da casa tem as suas necessidades específicas. Entretanto, a tarefa pode ser bem mais fácil do que se imagina. Basta um pouco de cuidado e atenção aos detalhes que você conseguirá encontrar o porcelanato com as características técnicas certas e o estilo de decoração ideal.

Afinal, de nada adianta um revestimento tecnicamente correto, se ele não refletir a personalidade do ambiente e de seus moradores, não é? Os desenhos e cores escolhidos devem fazer uma combinação harmoniosa com o restante da decoração.

soreparos.com.br

Denilson Alves

Editor do Portal Nosso Goiás