Vídeos orientam uso da Plataforma CAPES de Educação Básica: Como inserir dados em programas e projetos para professores

Tutoriais explicam como informar formação acadêmica, experiência profissional e participações em programas

A CAPES preparou tutoriais para explicar como cadastrar informações na Plataforma CAPES de Educação Básica. São três vídeos, disponíveis no canal da Fundação no YouTube. Neles são dadas orientações sobre como inserir dados referentes à formação acadêmica, experiência profissional e participação em programas e projetos para professores.

A Plataforma CAPES de Educação Básica é uma base de dados abrangente sobre os profissionais atuantes nesta etapa da educação. Nela encontram-se currículos de professores da educação básica e alunos de cursos de licenciatura, pesquisadores e estudantes de programas de pós-graduação que atuam em escolas, secretários de Educação, entre outros profissionais que trabalhem com educação básica.

Para a CAPES, os dados facilitam a gestão e o acompanhamento dos programas de formação de professores da educação básica, especialmente no Plano Nacional de Formação dos Professores da Educação Básica (Parfor), Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (Pibid) e Residência Pedagógica. Ainda em 2021, a Universidade Aberta do Brasil (UAB) e o Programa de Mestrado Profissional para Professores da Educação Básica (ProEB) também começarão a utilizar a base.

Para as redes de ensino, há uma oferta de informações sobre profissionais do magistério. Com isso pretende-se viabilizar o planejamento e a elaboração de políticas públicas voltadas para esse público.

Confira os vídeos aquiaqui e aqui.

  

Assessoria de Comunicação Social do MEC com informações da CAPES 

Denilson Alves

Editor do Portal Nosso Goiás