Música gospel dá o tom no HEMNSL

Ação faz parte do projeto Sons que Curam, na unidade do Governo, que tem a música como complemento terapêutico 

A música é muito utilizada, na área da saúde, como terapia emocional para pacientes, pois promove uma sensação de equilíbrio e bem-estar, além de ser um grande aliado da humanização no cuidado e auxílio no resgate da autoestima.  No intuito de levar esses benefícios a seus pacientes e colaboradores, o Hospital Estadual e Maternidade Nossa Senhora de Lourdes (HEMNSL), realizou na segunda-feira (30/10), a quinta edição do projeto “Sons que Curam”.

Nesta edição, a apresentação ficou a cargo da cantora gospel Kelly Guedes, uma paraense do município de Conceição do Araguaia. Kelly veio para Goiás aos sete anos de idade e já se considera uma goiana. Ela trouxe um repertório gospel para a unidade. Além de cantar, ela e a missionária Divina Gonçalves  fizeram orações em cada enfermaria, levando mensagem de fé e conforto.

“Que momento emocionante! Foi ótimo ouvir esse louvor e as mensagens, estava precisando”, disse a puérpera Dinaiane Rodrigues, mãe da Isis. “Bom para acalmar a alma. Quem está angustiado, ouvir uma oração dessa é  muito boa”, pontuou o marido de Dinaiane, Willian da Silva. “Gostei muito. Trouxe alívio, paz no coração”, avaliou a puérpera Juliana da Costa, mãe da pequena Lara.

Para Kelly Guedes, que se apresentou pela primeira vez em um hospital, foi uma experiência diferente. “Estou acostumada a louvar na Igreja, nas ruas. Essa foi uma experiência nova para mim e achei maravilhoso. Fiquei encantada”, destacou a cantora.

Sons que Curam – O projeto utiliza a música como complemento terapêutico e acontece uma vez ao mês. Proporciona momentos de alegria, descontração, solidariedade e conforto através da música. Além de humanizar o ambiente, a música reduz o estresse, quebra a rotina de dor, ansiedade e tristeza dos pacientes assistidos na unidade, contribuindo para uma melhora do bem-estar físico e mental.

Marilane Correntino (texto e fotos) 


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *