19 de abril de 2024
Noticia e políticaSaúde e comportamento

HEMU capacita profissionais da enfermagem para cuidados de pacientes com feridas

Além de ampliar o acesso à informação, o treinamento aos profissionais da unidade do Governo de Goiás visa qualificar e sistematizar a assistência dos pacientes

A Comissão de Prevenção e Cuidados com a integridade da Pele do Hospital Estadual da Mulher Dr. Jurandir do Nascimento (Hemu) promoveu, na quarta-feira (21/02), uma capacitação para toda equipe de enfermagem sobre manejo de feridas.

Com o tema “Cuidados de enfermagem para pacientes com feridas”, a palestrante Débora Juliana Santos – enfermeira, preceptora de Residência do Hugo e suas residentes Fernanda Oliveira, Ana Silva e Maria Deluany, falaram sobre a anatomia da pele; classificação das feridas; tipos de tecidos; sinais de infecção; tipos de coberturas (curativos) e tecnologias, suas indicações, contraindicações e período de troca; os produtos indicados para fazer a limpeza da lesão; fatores de risco para as feridas; prevenção, entre outros.

A enfermeira Débora também explicou sobre a ferramenta TIMERS para avaliação da lesão, que nada mais é que um algoritmo de avaliação e tratamento de feridas, especialmente as crônicas.  (T – viabilidade de tecido; I – Inflamação/Infecção, M – balanço de umidade; E – borda da ferida; R – regeneração; e o S – fatores sociais relacionados ao paciente).

Responsabilidade

O enfermeiro é o profissional responsável pela identificação da ferida, bem como o tratamento adequado, sendo de suma importância que tenha os seus conhecimentos atualizados. A capacitação reforça o compromisso do hospital em manter seus profissionais atualizados para uma assistência de qualidade, além de fortalecer o senso de responsabilidade e colaboração da equipe para um ambiente de cuidado e prevenção.

“Achei uma abordagem importante, agregamos nossos conhecimentos. Esse aprendizado impacta diretamente na forma de como agir e qual tecnologia usar para uma rápida cicatrização de uma lesão”, pontuou a enfermeira Gislaine Araújo. “Ótima oportunidade de aprendermos um pouco mais sobre o diagnóstico e tratamento de feridas”, avaliou a auxiliar de enfermagem Fabiana Maria.

De acordo com a presidente da comissão, enfermeira Reila Coutinho, a ação faz parte da programação anual de capacitação. “O hospital zela pela qualidade e humanização nos atendimentos e nada melhor do que capacitar nossos profissionais para que possam oferecer um cuidado de excelência aos nossos pacientes”, destacou a presidente.

Marilane Correntino (texto e fotos) 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *