15 de abril de 2024
Noticia e políticaShows e Eventos

Projeto de samba criado a partir da banda Chá de Gim chega ao Quintal do Jajá


Para o primeiro show no espaço cultural que fica no Centro de Goiânia, grupo Dibuiando o Samba leva muito samba raiz

Neste domingo (24), o Quintal do Jajá receberá uma atração musical inédita em seu palco: o projeto Dibuiando o Samba. Essa será a primeira vez que o grupo leva o seu som para o público da casa, que poderá conferir versões de grandes sucessos de samba, pagode da década de 1990, axé e MPB. O espaço cultural e gastronômico está localizado na Rua 15 nº 538, no Setor Central, em frente à Praça Dr. Carlos de Freitas, em Goiânia.
O estabelecimento funcionará das 12 às 18 horas, sendo que o show terá início às 13h30, com couvert artístico a R$ 15 por pessoa. Dibuiando o Samba trata-se de um projeto criado a partir da iniciativa de alguns integrantes da banda Chá de Gim, que é bastante reconhecida na cena musical goiana. A ideia do projeto é percorrer pelo mundo do samba e do pagode, principalmente pelas canções mais populares desses estilos, mas mantendo uma essência de tropicalismo.
O repertório do Dibuiando o Samba inclui músicas de artistas consagrados, entre eles Nelson Cavaquinho, Candeia, Nelson Sargento, Zeca Pagodinho, Xande de Pilares, Beth Carvalho, Exaltasamba, Grupo Revelação, Péricles, Thiaguinho e Menos é Mais. Contudo, especificamente para a apresentação deste domingo, o grupo levará muito mais canções de samba raiz do que costuma fazer, como explica o vocalista Uander. “O Quintal do Jajá é um ambiente propício para isso e o público da casa expressa muito bem que gosta desse estilo”, destaca.

O projeto
O cantor Uander, que faz parte tanto da banda Chá de Gim quanto do projeto Dibuiando o Samba, explica como foi o início do projeto. “A banda Chá de Gim foi convidada pelo músico Carlos Brandão para participar do projeto Chorinho, com um show especial em Goiânia. A ideia era que, em vez de tocar as canções autorais da banda, interpretássemos versões originais e releituras de sambas muito conhecidos pelo público”, relata.
O vocalista revela que a apresentação fez tanto sucesso que alguns membros da Chá de Gim decidiram seguir com o projeto paralelamente à banda e junto com outro músico que fez uma participação especial no show do Chorinho. Com isso, três integrantes da Chá de Gim também estão presentes no Dibuiando o Samba, sendo eles Uander (vocais e percussão), Alexandre Akires (bateria) e Bernas (vocais e violão). Já o músico Fernando Cipó (baixo) faz parte apenas do Dibuiando o Samba.
O projeto existe há quase um ano, mas a experiência dos membros é bem maior, já que a própria Chá de Gim existe há cerca de sete anos. Com a banda, eles já ganharam diversos prêmios, incluindo três no Juriti – Festival de Música e Poesia Encenada, dois no Festival Canta Cerrado e um no Festival Anapolino de Música (FAMU). Já pelo Dibuiando o Samba, eles tocaram em várias casas de shows e eventos de Goiânia, como projeto Ocupa o Centro, além de estarem no line-up do 15º Festival Gastronômico de Pirenópolis, que traz ainda Fernanda Abreu, Mr. Gyn, Bororó Felipe e Grace Carvalho, entre outros nomes.

Almoço
Enquanto aproveita a apresentação do Dibuiando o Samba, o público do espaço gastronômico e cultural poderá pedir vários tipos de petiscos, bebidas e feijoada tradicional completa para saborear no almoço. A feijoada tradicional é feita com feijão preto, bacon, pernil de porco, linguiças calabresa grossa e fina, costelinha de porco, carne de sol bovina, pé de porco e rabo de porco. Farofa de bacon e calabresa moída, arroz, couve refogada, torresmo e laranja são as guarnições do prato.
Os petiscos podem ser pedidos apenas para consumo no local, mas a feijoada completa fica disponível tanto para quem for almoçar no estabelecimento quanto para quem deseja receber o pedido por delivery ou take away. Esses dois últimos serviços funcionam das 11h30 às 15h30, aos domingos. Os pedidos de delivery devem ser efetuados por meio do iFood e os de take away podem ser feitos com retirada imediata, no próprio Quintal do Jajá, ou antecipadamente, pelo telefone (62) 98484-7100, que também atende por WhatsApp. Este número é destinado também para quem quer reservar mesas, ter mais informações ou tirar dúvidas.

Serviço
Show de samba, pagode, axé e MPB com Dibuiando o Samba
Data: 24 de março (domingo)
Horário de abertura da casa: 12 horas
Horário da apresentação: 13h30
Local: Quintal do Jajá (Rua 15, nº 538 – Setor Central)
Contato: (62) 98484-7100
Entrada: R$ 15
A casa terá feijoada tradicional completa e petiscos nesse dia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *