24 de maio de 2024
Educação e pesquisaNoticia e política

Mapa ilustrado distribuído gratuitamente estimula visitas a museus de Goiás

Iniciativa usa abordagem atrativa para aproximar a população de instituições culturais, além de bibliotecas e parques

Desenvolver estratégias acessíveis e lúdicas para aproximar a população dos patrimônios culturais, especialmente os museus, é um dos principais pontos para garantir a democratização do acesso à cultura. Essa é a avaliação da museóloga e diretora da CALÍOPE Projetos e Ações Patrimoniais, Bárbara Freire, que está à frente de uma série de projetos com esse objetivo, todos reunidos no aplicativo “Fala Sério, aqui tem museu!”, totalmente gratuito.
A preocupação da museóloga tem fundamento, já que uma pesquisa de 2023 do Instituto Datafolha e da Fundação Itaú sobre hábitos culturais apontou que os museus são os locais onde as pessoas menos realizam atividades culturais no Brasil. Apesar das visitas físicas aos museus terem aumentado 26% em relação a 2022, esses locais ainda ficam atrás de praças, parques, shoppings, cinemas, escolas, clubes, teatros e bibliotecas na escolha da população.
Uma das iniciativas desenvolvidas por Bárbara Freire para estimular as pessoas a frequentarem museus e outras instituições culturais de Goiânia e Aparecida de Goiânia é um mapa ilustrado chamado de Passaporte Especial de Viajante da Cultura, pensado também para os públicos infantil e juvenil. “O objetivo é fazer com que as pessoas conheçam esses pontos e tenham tempo de qualidade e momentos de lazer com a família e os amigos ou, ainda, acessem os museus para estudos e pesquisas”, explica a diretora da CALÍOPE.
Para dar autonomia a cada um para criar o seu próprio roteiro de visitas, foram incluídos no mapa ilustrado outros locais além dos museus, como bibliotecas e parques que ficam próximos às instituições culturais. O Passaporte Especial de Viajante da Cultura traz 88 pontos de Goiânia e Aparecida de Goiânia, sendo 47 museus, instituições culturais e centros culturais, 27 bibliotecas e 14 parques, praças e bosques.
Entre os pontos indicados no mapa, 19 edificações são do estilo Art Déco, que remonta ao período da criação da capital goiana. “O mapa ilustrado possibilita que os interessados visitem, por exemplo, o Museu de Escultura ao Ar Livre e o Centro Cultural da Universidade Federal de Goiás (UFG) ou o Centro Cultural Casa de Vidro Antônio Poteiro e o Parque Flamboyant, no mesmo dia”, sugere Bárbara Freire.

Abordagem atrativa
O Passaporte Especial de Viajante da Cultura foi desenvolvido para contemplar desde crianças e jovens a famílias e grupos de escola, trazendo o conteúdo de forma lúdica para o público. Estimulando também a criatividade e a imaginação, o mapa conta com ilustrações de elementos presentes na capital de Goiás e em Aparecida de Goiânia, como museus, centros culturais, animais e árvores. Além disso, tem cores vivas, letras grandes e a versão impressa é feita em tamanho 59cm x 84cm, de papel couchê, que é resistente para manuseio.
Segundo Bárbara Freire, tudo isso ajuda a atrair o público, contribuindo para que a frequência das visitas aos museus e outras instituições aumente e o impacto desse contato cultural na vida das pessoas seja duradouro. “Os benefícios vão desde ampliação dos repertórios culturais, conhecimento da diversidade cultural e, consequentemente, valorização e respeito pelos diferentes modos de vida até conhecimento da História e dos personagens que fizeram parte dela, gerando uma visão contextualizada dos fatos”, ressalta a diretora da CALÍOPE.
Além do uso de uma linguagem acessível para que pessoas de diferentes faixas etárias e classes sociais se sintam confortáveis e incluídas, a museóloga destaca que a democratização do acesso aos museus passa por outros fatores. Alguns deles são o funcionamento em dias e horários acessíveis para visitação, que vão além do horário comercial, e entrada gratuita em todos ou, pelo menos, alguns dias. Sobre isso, a especialista lembra que quase todos os museus de Goiânia e Aparecida de Goiânia têm entrada gratuita ou com valor simbólico.
Ela pondera que o primeiro passo para garantir o acesso a museus e instituições culturais é fazer com que as informações sobre esses espaços sejam difundidas. Para isso, o aplicativo Fala Sério traz os seguintes dados sobre cada local: texto de apresentação, tipo de acervo, exposições em cartaz, ações educativas para os públicos, tour virtual, informações sobre biblioteca do museu, dias e horários de funcionamento, linhas de ônibus para chegar à instituição, telefone, e-mail, site, redes sociais, endereço e informações de acessibilidade para cadeirantes e pessoas com baixa mobilidade.

Como ter acesso
O mapa ilustrado dos museus e outros pontos culturais de Goiânia e Aparecida de Goiânia é disponibilizado de forma gratuita e digital pelo aplicativo “Fala Sério, aqui tem museu!”, que pode ser baixado no Google Play ou ser acessado pelo link https://pwa4.app.vc/fala_serio/home ou, ainda, no perfil @falaserioapp no Instagram. Também gratuita, a versão impressa é distribuída durante as visitas mediadas a museus realizadas pelo projeto Sábado Tem Museu, que estimula famílias a participarem da educação cultural de crianças e jovens.
O Passaporte Especial de Viajante da Cultura conta ainda com um programa de fidelidade. A cada edição do Sábado Tem Museu, os participantes recebem um selo que desbloqueia vantagens em empresas parceiras. As vagas para o projeto são gratuitas, mas limitadas, sendo que as inscrições devem ser feitas por meio do aplicativo Fala Sério, clicando em “Inscrições Sábado Tem Museu”.

Sobre a CALÍOPE
A CALÍOPE Projetos e Ações Patrimoniais atua em instituições e empresas de salvaguarda patrimonial e de difusão cultural, com ênfase em museus e centros culturais. Presta serviços de Gestão Museológica, Documentação, Conservação Preventiva, Expografia e Ação Educativo-cultural. A instituição tem como missão oferecer produtos e serviços por meio de projetos e ações inovadoras nas áreas de Patrimônio Cultural e Museologia, para a gestão e preservação do patrimônio cultural de forma ética, com qualidade e respeito às pessoas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *